eu penso assim · livro · resenha

Resenha | Julieta imortal Stayce Jay

Sabe aquela história, Romeu e Julieta? Esquece tudo o que você ouviu sobre ela, porque o livro Julieta imortal vai te contar uma versão completamente diferente do romance mais clássico do mundo.

Julieta não morreu por acidente, aliás foi o Romeu que matou ela. What’s? Perai que eu explico!

Romeu Montecchio, fez um sacrifício para assegurar sua imortalidade, matando sua alma gêmea, Julieta. Mas Romeu não imaginou que Julieta também teria vida eterna e se tornaria uma agente dos Embaixadores da Luz. Sua missão na terra é defender e ajudar as almas gêmeas e a vida de inocêntes.

E ‎depois de tantas missões, e de tantas lutas contra o seu grande amor Julieta se depara com uma missão diferente, que  pode  mudar sua vida.

É uma história incrível, eu definitivamente nunca mais vou ver a história de William Shakespeare da mesma forma.

Amei tudo na história, tudo mesmo. É um livro diferente, com uma história fofa e intrigante, leve e perfeita.

Muito obrigada a minha amiga que indicou esse marivilhoso livro, melhor leitura. Super índico.

Espero que tenha gostado.

Até a próxima!

Onde me encontrar:  Instagram/Twitter

eu penso assim · livro

Livros que quero ler em 2018 #2

O título desse filme deveria ser ” livros que gostaria de terminar de ler em 2018″, esse post é a parte dois desse aqui. 

Deve uma grande de pilha de livros que comecei a ler no ano passado e por motivos várias (como prova na faculdade, tédio do personagem, ressaca literária) eu adiei a leitura e até hoje não voltei a ler. 

Mas meta é meta, e minha meta é terminar todos esses livros me tanto demorei pra terminar. 

Então vamos lá!

Um dia do David Nicholls

Vai contar basicamente a história de um casal que se comunica por cartar todo dia, uma vez por ano. Tinha tudo pra gostar de história mas acabou que fiquei meses me arrastando na história e nem consigui terminar. Mas como falei pretendo ler! 

Até você ser minha da Samantha Hayes

Apesar do livro ter uma título Alá Cinquenta tons de cinza a história é muito na vibe do Mistério/CSI. Conta a história de uma mulher grávida que está tentando proteger o bebê da babá, li pouquíssimas páginas, mas a curto prazo meio que a babá é psicopata, mas ninguém acredita na mulher grávida sobre isso. 

A sereia da Kiera Cass

Basicamente conta a história de uma menina que virou sereia e que se apaixona por um humano, detalhe se ela falar ele morre. É uma história encantadora, e por que eu parei de ler? Eu li o final (por acidente), e adiei pra ver se esqueço o que eu li. 

A menina dos olhos molhados  da Marina Carvalho

É um romance, conta basicamente a história de um casal que é obrigado a trabalhar juntos, porém o protagonista é bem rapugento. Vou confessar que comprei esse livro pela capa, assim que descobri os personagens era jornalista eu me apaixonei mas simplesmente a leitura não fluiu tão bem. Porém ainda vou terminar esse livro. 

Isla e o final feliz

Um romance adolescente, é uma história fofa. Basicamente a Isla começa a se aproximar de um garoto e se apaixonar, e pelo mesmo problemas do livro anterior eu adiei a leitura. Apesar de ser fofa ela não me cativou. 

Não pare de Fml Pepper

Pelo o que me lembro a história conta sobre uma menina completamente desastrada ( meio que ela tem poderes e não sabe usar), comecei ler ele pelo Kindle ulimitant e também, leitura não fluiu tão bem, mas com essa pegada meio sobrenatural tenho certeza que vou gostar. 

Aliás não é certeza de que viu gostar de todos mas fato é que vou tentar dar mais uma chance para os livros que comprei e não li, ou que desisti na metade e caso eu não goste vou me desapegar. 

Espero que goste!

Até a próxima!

Onde me encontrar:  Instagram/Twitter

cabelo · eu penso assim

Sobre o fim da transição capilar

Quem me acompanhou no ano passado sabe que eu tinha começado a transição capilar, fato é que passei todo o meu ano de 2017 com o cabelo amarrado, as vezes alguns de vocês até me perguntavam se tinha desistido da transição, mas não. Eu não desisti, assim que o ano terminou eu terminei ela também ( Que confuso)

Uma semana antes do Natal eu acidentalmente cortei uma ponta do meu cabelo, ficou torto. Então fui arrumar, no final tinha cortado a maior parte do cabelo que era lisa 55% da transição tinha ido embora, mas estava impossível amarrar. 

No dia seguinte fui no salão, conhece o beleza natural? Fui lá, e cortei o cabelo. Acabou a transição. E sabe foi um alívio acabar, não vou mentir ainda não me a costumeira com o tamanho dele, ainda não apredi a cuidar dele, mas agora tenho ele completamente natural. 

Foto tirada pela minha mãe, perdão pela imagem horrível é a única que tenho por enquanto

A transição no meu cabelo acabou, mas ainda estou na transição. Ainda estou aceitando e lutando para ser Eu. 

Cresci com a minha família e a mídia descrevendo cabelo crespo como errado, e apesar de ser ter caichinhos (minúsculos) meu cabelo é sim crespo. Eu estou aprendendo amar ele assim, porém não é todo mundo que aceita. 

Críticas brotam de todos os lados, é terrível ver que alguém se incomoda tanto com a vida do outro. 

” Por que você fez isso? Coitada era tão mais bonita com o cabelo liso!” 

Eu concordo, ficava linda com o cabelo liso. Era bem mais fácil de cuidar e de me enquadrar no padrão. Mas eu nunca me amei daquele jeito. Também nunca me amei de cabelo natural, até porque nunca tinha aceitado ele. 

Mas agora eu aceitei, e estou aprendendo, evoluindo, a transição capilar externa já acabou mas tenho que te falar que agora começa a transição interna.  Parece que é só cabelo, mas não é! 

Espero que goste!

Até a próxima!

Onde me encontrar:  Instagram/Twitter

decoração · Diy · eu penso assim · organização

Organização e decoração | já pensou em usar um cabide?

Quem me acompanha no meu Instagram lembra que minha mãe me fez um porta colar com um cabide, além de muito prático (fácil pra fazermos) que me ajuda muito a organizar meus acessórios.  

E pensando nisso trouxe muitas ideias, seja pra te animar ou inspirar, jeitos diferentes pra você usar um simples cabide na sua decoração.

Então pra começar escolha um cabide (óbvio), mas pense um pouco você prefere algo mais rústico (que nem o meu) ou talvez pintar de cobre, colar uma imagem nele, ou até uma estampa com papel contact. 

As possibilidades são inúmeras. Para fazer um cabide de porta acessórios basta só prender alguns ganchos na parte de baixo. 

Como existe vários modelos (e cores) você pode soltar sua criatividade.  Se tem muito muitos óculos que tal um lugar específico pra eles? 

Para os seus lenços! Cachecóis! E até bonés! Cintos!

E para provar que você pode usar para guardar de tudo um pouco que tal algumas xícaras? 

Você também pode usar da forma mais tradicional com roupas mesmo. Morro de vontade de deixar uma parede da minha casa com algumas peças expostas, mas meu espaço não é tão grande assim. 

Tem peças que já são lindas e decoram por si só. 

E aí gostou de alguma dica?

Espero que sim!

Até a próxima!

Onde me encontrar:  Instagram/Twitter

eu penso assim

Livros que quero ler em 2018 #1

Diferente das outras pessoas uma meta que sempre tenho no começo do ano é ler mais livros. Depois que comecei a trabalhar fiquei um pouco compulsiva e compro muito livro (não me orgulho, mas é verdade), e é óbvio que minha meta mudou e se ficou em ‘ler todos os livros da minha estante’.  

Então vem comigo porque vou dividir com vocês minha lista de futuras leituras para 2018. 

Aliás, vão ser duas listas, viu! 

Sushi da Mariana Keyes 

Tenho ele a muito tempo porém nunca me comprometi a ler, mas esse ano vai. Se não me engano conta a história de uma mulher que está saindo da reabilitação.   

Uma noite no chateu marmont da Lauren Weisberger

Da mesma autora do Diabo veste Prada, só que conta a história de um casal e como é para eles conviver com o repentino sucesso. 

Uma constelação de fenômenos vitais do Anthony Marra

Esse vai ser um verdadeiro desafio para mim porque se trata de uma história mais sobre guerra, especificamente a guerra mundial, o que não sou muito fã. Eu comprei esse livro pela capa e se eu comprei vou ter que ler não é mesmo?

Em água sombrias  da Paula Hawkins

É um dos livros que mais quero ler, tem um pouco essa pegada de mistério e de CSI, e quem me conhece sabe que amo séries e filmes nesta vibe. A história vai contar meio que um assassinato onde a irmã da vítima vai tentar descobrir. 

Maças envenenadas da Lily Archer

Basicamente vau falar sobre madrasta, sabe aquelas madrasta má de contos de fadas? Esse livro vai fazer meio que uma releitura desses contos. 

Unica filha da Anna Snoekstra

Ainda na vibe de mistério essa história vai contar o sumido de uma menina. So que anos depois uma outra menina muito parecida finge ser ela, e mal sabe o perigo que vai passar. 

Espero que você tenha gostado! 

Só queria reforçar que não li nenhum desses livros então a mini sinopse que fiz de cada um deles é de acordo com o pouco que sei de cada livro.  

Até a próxima!

Onde me encontrar:  Instagram/Twitter

eu penso assim · organização

Bullet Journal de Janeiro

Bullet Journal é método de organização onde você personaliza basicamente toda a sua agenda, aqui tem um post detalhado sobre o assunto. Hoje vim mostrar como o meu Bullet Journal de 2018 vai ser.

Se der tudo certo pode até virar um post  mensal sobre o assunto, concorda? Me conta aí nos comentários, gosta da ideia?

Nesse Bullet Journal fiz os layout bem simples, fácil e prático.

Um planejamento semestral.

E claro o mensal!  Metas, tarefas, aniversários, tudi e mais um pouco sobre o mês.

Tem duas páginas que decidi não fotografar, porque uma tem ideias para posts futuros para o blog e a minha organização financeira.  Essas páginas vou ficar devendo.

E para finalizar, minha organização semanal.

Espero que tenha gostado.

Até a próxima!

Onde me encontrar:  Instagram/Twitter

eu penso assim

6 tipos de cofrinhos lindos

Um dos meus grandes sonhos é comprar a casa própria para minha mãe, e pra isso tenho que trabalhar muito e, obvio, juntar dinheiro.

Essa ideia de ter um cofrinho é um clássica, atualmente guardo meu dinheiro no banco, como uma boa adulta, mas sempre que vejo meu priminho feliz porque juntou muitas moedas no seu porquinho fico com vontade de ter o meu.

Estou com um projeto novo, meio que um presente  para minha mami, por isso estou aqui firme e forte para juntar meu dinheirinho a moda antiga.

Trouxe alguns modelos (lindos e) diferente de cofrinhos estilosos para vocês.

❤Meio rico/meio pobre um copo fofo para guardar o seu dinheiro. Apenas 49,90 na Imaginarium. Comprar aqui.

❤Esse não é um cofrinho é sim o cofre, o material é bem resistente e tem uma chave para trancar seu dicionário secreto. O valor desse cofrinho é um pouquinho mais salgado, 89,90. Comprar aqui.

❤Esse é o meu favorito. Como se fosse um quadro, onde você vê a quantidade que tá guardando e sempre tem essa frase pra te motivar, ‘Para grandes sonhos’ o valor é de 18,99. Comprar aqui.

❤Um cofrinho majs elaborado, você coloca a moeda no pratinho e o Pandinha sai da caixa e rouba a moeda, e guardando dentro do cofrinho, no enjoei está 119,00 mas é fácil encontrar em sites como 7elo ou Aliexpress por bem menos. Comprar aqui.

d22dab6600e18e40e7288b74424badb8

❤Um porquinho é símbolo clássico de cofrinho mas depois que vi esse nunca mais penso assim, esse cofrinho  digital que basicamente conta cada moedinha eu achei muito moderno. O valor dele é 42,99. Comprar aqui.

❤Ainda na ideia do porquinho (clássico e diferente), esse aqui em cima é um cofrinho normal, a não ser que você pode desenhar né apagar várias vezes ( é para crianças na verdade, mas é tão fofo e criativo que até eu quero um) . O valor dele é em média 41,90 á 50 tem em vários lugares. Comprar ele aqui.

 

Espero muito que você tenha gostado.

Até a próxima.

Onde me encontrar:  Instagram/Twitter

Andreza Oliveira